Desconstruindo HOUSE 4

0 Comentários // em CAMSA Eventos // 21 de abril de 2012

Desconstruindo HOUSE 4

O Centro Acadêmico Medicina Sérgio Arouca (CAMSA) realizará na próxima terça-feira, dia 24 de abril de 2012, às 19h00 no Auditório do DMed na UFSCar o quarto evento da série “Desconstruindo House, M.D.”. Será exibido o episódio “Nem queira saber” da quarta temporada da série. Após a exibição teremos discussão com o reumatologista e preceptor do Curso de Medicina Doutor Rogério Chachá.

Confira o evento no Facebook.

A entrada é gratuita!

Liga de Infectologia realiza discussão clínica sobre doenças oportunistas pulmonares

0 Comentários // em Eventos Ligas Acadêmicas Medicina Notícias // 10 de abril de 2012

A Liga de Infectologia da UFSCar (LINFU) realizará mais uma Discussão Clínica, desta vez o serão abordadas as Doenças Oportunistas Pulmonares. Será no dia 19 de abril de 2012, quinta-feira, às 19h30min, no Anfiteatro do Departamento de Medicina da UFSCar (DMed), na área norte.

O evento contará com a participação da Professora Doutora Sigrid de Sousa dos Santos, infectologista, docente do DMed, que palestrará sobre as doenças oportunistas pulmonares que mais acometem o paciente soropositivo para infecção pelo HIV.

O público-alvo é de estudantes e profissionais da área da saúde, mas o evento é aberto a todos os interessados.

As inscrições devem ser realizadas enviando e-mail para linfu.ufscar@gmail.com, com envio de nome completo e email para contato. As vagas são limitadas.

Continue Lendo →

CAMSA Entrevista Secretário Municipal de Saúde de São Carlos

0 Comentários // em CAMSA Medicina Notícias Rede Escola São Carlos SUS // 7 de abril de 2012

CAMSA Entrevista Secretário Municipal de Saúde de São Carlos

Estudantes do Curso de Medicina da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), através do Centro Acadêmico Medicina Sérgio Arouca (CAMSA) realizaram no dia 21 de março de 2012 na Secretaria Municipal de Saúde entrevista com o atual Secretário Municipal de Saúde, Dr. Marcus Vinícius Bizarro. Foram abordados temas gerais relacionados à Rede Escola de Cuidados à Saúde do município, a construção do Hospital Escola Municipal e o plano de trabalho para sua gestão.

Continue Lendo →

Liga de Endocrinologia e Metabologia da UFSCar (LEMU)

0 Comentários // em // 14 de março de 2012

Liga de Endocrinologia e Metabologia da UFSCar (LEMU)

A Liga de Endocrinologia e Metabologia da UFSCar (LEMU) tem por objetivos aprofundar os conhecimentos em endocrinologia e metabologia, aguçar a visão clínica dos acadêmicos participantes para reconhecer alterações que em muitos casos passam despercebidas para muitos médicos, possibilitando um melhor atendimento e diagnóstico precoce, fatores que muitas vezes levam a uma melhor resposta ao tratamento e qualidade de vida do paciente. Também se propõe a promover reuniões científicas entre seus membros e para o meio acadêmico, proporcionando maior conhecimento sobre a especialidade e respectivas patologias e desenvolver trabalhos científicos nessa área.

Atividades atuais

As atividades da LEMU são desenvolvidas em estágio supervisionado no ambulatório de endocrinologia do CEME, sendo semanal às sextas-feiras das 13h00 às 18h00 sob a supervisão da Professora Joyce. Está sendo organizado simpósio temático para o mês de outubro de 2012.

Docente orientadora

Diretores

A Diretoria da Gestão 2011/2012 é composta por:

Membros

No ano de 2012 a LEMU conta com 23 membros:

  • Vanessa Santos
  • Bárbara Ono
  • Natália Bicudo
  • Tana Luiza Simões
  • Letícia Baldim
  • Camila Azevedo
  • Cristina Alves
  • Vanessa Félix
  • Rosiane Pinho
  • Nathália Neves Nunes
  • Lígia Goulart
  • Talita Balera da Silva
  • Michelle Matsunaga
  • Nathália Toffolo
  • David Bui Van
  • Rafael Barroso
  • Kyle Coelho
  • Rodrigo Tomaz
  • Serena Rossato
  • Ellen Tammy
  • Ana Paula Alves Pereira
  • Fernanda Bertucci Sanches
  • Marília Almeida

Documentos

Contatos

 

Gestantes demoram para perceber problemas de saúde, aponta pesquisa

0 Comentários // em Notícias SUS UFSCar //

Gestante

Uma pesquisa feita pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) em parceria com a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) constatou que 44% das mortes maternas têm relação com a demora da mulher em perceber problemas de saúde durante a gestação.

O estudo acompanhou várias grávidas de todo o país por um ano e chegou à conclusão que entre os registros de morte materna, quase metade ocorreu porque a mulher grávida, ou a que acabou de ter bebê, demorou a perceber que estava com problemas de saúde.

Rodolfo de Carvalho, um dos médicos que participou da pesquisa, explicou que entre os sintomas de risco está o ganho exagerado de peso, mais de dois quilos por semana, combinado com dor de cabeça aguda e pressão alta.

A médica Carla Polido disse que os problemas de saúde das gestantes podem ser identificados no pré-natal. “90% das mulheres não terão problema durante a gestação e o problema dos outras 10% pode ser identificado no pré-natal”.

Pré-natal

Carla alertou ainda sobre a importância do pré-natal para evitar problemas na gravidez. “O pré-natal pode evitar que a mãe tenha um desfecho desfavorável”, complementou.

A Organização Mundial de Saúde recomenda que as mulheres façam, no mínimo, seis consultas de pré-natal durante a gestação.

Confira a entrevista aqui.

Através de g1.globo.com

Página 2 de 812345...Última »
  • RSS
  • Email
  • Facebook
  • Google+
  • Twitter
  • Flickr
  • YouTube